Sinais de trabalho de parto: quando é hora de ir para a maternidade?

Maternidade

04/10/2021

A reta final da gestação é marcada pela ansiedade da mamãe e da família, mas é preciso ter cuidado e evitar as visitas desnecessárias à maternidade. Saiba como identificar corretamente os sinais do trabalho de parto.

4 min de leitura

Compartilhar

Sinais de trabalho de parto: quando é hora de ir para a maternidade?

O fim da gestação é marcado pela possibilidade de que, a qualquer momento, apareçam os esperados sinais de trabalho de parto. Além da ansiedade da mamãe e da família em saber quando o bebê chegará.

Mas é preciso ter cuidado, já que isso pode acabar levando a idas frequentes ou desnecessárias à maternidade. Apesar de a data prevista para o parto ser aquela em que a gestação completa 40 semanas, trata-se de apenas uma estimativa.

Isso porque o nascimento do bebê pode ocorrer antes ou depois deste período. Para quem já passou meses se preparando para o parto, é preciso manter a calma e a tranquilidade também neste momento.

Uma forma de fazer com que a gestante se sinta mais segura nesta fase, independentemente do tipo de parto planejado, é conhecer os sinais do trabalho de parto e saber quando é o momento de procurar a maternidade.

Como saber se estou entrando em trabalho de parto?

Saber identificar o trabalho de parto ajuda a evitar frustrações e intervenções desnecessárias que, muitas vezes, são prejudiciais.

Além disso, as visitas excessivas à maternidade neste momento podem levar à antecipação do parto, interrompendo o processo natural da gestação quando o bebê ainda não está pronto para nascer.

Para saber quando você deve se dirigir à maternidade imediatamente, atenção aos sinais:

  • Presença de sangramentos vaginais volumosos (como no período menstrual);
  • Diminuição acentuada dos movimentos do bebê no útero;
  • Rompimento da bolsa d’água.

E, claro, o trabalho de parto ativo. Estes são os principais sinais de que a mamãe entrou em trabalho de parto e que, em breve, ela irá conhecer a carinha do seu bebê.

Fases do trabalho de parto: sinais de proximidade

Assim como o período gestacional é marcado por grandes mudanças no corpo da mulher, a proximidade do nascimento do bebê indica fases do trabalho de parto que devem ser observadas.

Alguns deles podem não indicar necessariamente o início do processo, mas mostram que o momento está próximo. É o caso da perda do tampão mucoso e o rompimento da bolsa de líquido amniótico, ou bolsa d’água.

O que é tampão mucoso?

Trata-se de uma secreção produzida no início da gravidez e que fica no colo do útero, o protegendo. Esse tampão de aspecto gelatinoso com rajas de sangue é expelido pela vagina quando o colo do útero começa a se preparar para o parto.

Isso pode ocorrer dias antes de o trabalho de parto começar. Portanto, após a eliminação do tampão mucoso, não é necessário procurar a maternidade imediatamente, mas, sim, avisar o médico ou a equipe de saúde.

Rompimento da bolsa amniótica

Quando a bolsa d’água se rompe, não há dor. Normalmente, isso é percebido pela perda de grande quantidade de líquido pela vagina. Esse rompimento indica que o parto está próximo, mas não significa que o bebê irá nascer imediatamente.

Em alguns casos, o nascimento ainda pode demorar alguns dias. Portanto, mantenha a calma, e se dirija com tranquilidade à maternidade.

Sinais de atenção

O líquido amniótico saudável é transparente ou levemente esbranquiçado, apresenta grumos, pode não ter cheiro ou um leve odor de água sanitária.

Se, ao romper a sua bolsa d’água, você perceber a saída de um líquido fétido, marrom, esverdeado ou com sangue, dirija-se imediatamente à maternidade e comunique ao profissional de saúde essa alteração.

Contrações uterinas: qual tipo indica o trabalho de parto?

Nem toda contração indica trabalho de parto. É importante conhecer as características de cada tipo de contração para saber como agir e quando é hora de ir para a maternidade.

Contrações de treinamento

As contrações de Braxton Hicks, conhecidas como contrações de treinamento, começam no fim do segundo trimestre da gestação. Elas são indolores e podem ser percebidas pelo endurecimento da barriga.

Além disso, são irregulares, duram de 15 a 30 segundos, não aumentam a frequência com o passar do tempo e nem estão relacionadas ao início do trabalho de parto.

Contrações do trabalho de parto

As contrações uterinas que marcam o início do trabalho de parto, ocorrem de forma regular e evoluem com o passar do tempo, ficando cada vez mais fortes, duradouras e frequentes. Também há redução no intervalo entre as contrações.

Fase latente do trabalho de parto

O trabalho de parto começa com a fase latente, quando as contrações são rítmicas, porém, mais curtas e menos intensas. Entre as contrações, a mulher consegue dormir ou realizar atividades corriqueiras como tomar banho, comer, caminhar e cozinhar.

Essas contrações da fase latente ocorrem em intervalos maiores, de 20 a 5 minutos entre elas. Neste período, a gestante deve ficar em casa se preparando para o trabalho de parto ativo, se dedicando a uma boa alimentação, hidratação e descanso.

Quando é hora de ir para a maternidade?

Quando as contrações se tornam mais dolorosas, prolongadas, durando de 40 segundo a mais de 1 minuto, e com intervalos de 5 minutos ou menos, chegou a hora de ir para a maternidade. Mas é preciso cautela.

Esta etapa, conhecida como fase ativa do trabalho de parto, dura entre 10 e 12 horas. Portanto, ainda há tempo para arrumar-se com tranquilidade e conferir se está levando tudo o que precisa para ter o seu bebê.

Veja o checklist de itens para levar à maternidade:

Além da mala do bebê, lembre-se que também deve levar a própria mala e a do acompanhante.

Como avaliar as contrações?

Anote as contrações que ocorreram durante o período de uma hora. Peça a alguém para te ajudar. Não esqueça de anotar o horário do início e do fim da contração, para calcular a duração e intervalo das contrações.

Se neste período de uma hora você registrar duas, três ou mais contrações a cada 10 minutos, com duração de 40 segundos ou mais, é hora de ir para a maternidade.

Os sinais do trabalho de parto evidenciam o momento mais importante para a mamãe e o bebê. Portanto, seguir corretamente as orientações do seu médico e contar com o apoio da família e da equipe de saúde é fundamental para a realização do parto.

Uma dica para vivenciar este momento com segurança e tranquilidade, é se informar sobre cada aspecto e fase da gestação, incluindo o nascimento do bebê.

Para te ajudar neste momento tão importante, o Portal Viver Bem da Unimed-BH disponibiliza vários conteúdos sobre parto. Confira:

Unimed-BH
Unimed-BH
Somos a melhor entre as maiores operadoras de saúde do Brasil, estamos presentes na vida de mais de 1,2 milhão de pessoas e temos um compromisso com nossos clientes e a sociedade: disponibilizar informações de saúde confiáveis, completas e de alta qualidade, para que você se cuide melhor todos os dias.
Esse conteúdo foi útil para você?
Sim Não
×

Comentários

error: © Copyright Unimed-BH 2021